quinta-feira, 31 de março de 2011

Juventude da CTB em luta

Juventude da CTB/RS apresenta reivindicações a Assembléia Legislativa e Governo do RS

Esta quinta-feira (31) foi de intensas atividades para o Coletivo Jovem da CTB/RS. De manhã, o coletivo definiu as atividades para o próximo período, e redigiu o manifesto "Educação, trabalho e cultura são direitos da juventude", que seria apresentado aos deputados na Assembléia Legislativa do RS e ao coordenador de juventude do governo Tarso Maurício Piccin na parte da tarde. Na agenda do coletivo, foram definidos a realização de curso, encontro estadual, participação na conferência nacional de juventude. Ainda na parte da manhã, os jovens conversaram com o presidente da CTB, Guiomar Vidor, que saudou a iniciativa da participação da juventude no movimento sindical.


Educação, trabalho e cultura são direitos da juventude

Para o presidente do Sindicato dos Comerciários de Taquari Vitor Espinoza, o principal objetivo da vista aos parlamentares e reunião com o governo do estado é transformar o Conselho Estadual de Juventude em Lei. "O Conselho de Juventude é um espaço privilegiado de interlocução da sociedade com o governo. A juventude tem muito para contribuir na elaboração de políticas públicas. Essa é a função do Conselho, garantir essa interlocução. Mas esse instrumento precisa virar lei, para que não dependa de governos", ressalta o sindicalista, que lembra que o ano de 2011 é ano de Conferência Nacional de Juventude.

O coordenador do Sindicato dos Técnicos da UFRGS Igor Corrêa Pereira complementa que a juventude trabalhadora tem muitas reivindicações. "Educação, trabalho e cultura são os maiores interesses da juventude. Garantir que a juventude concilie trabalho e estudo é um desafio, é preciso ampliar e modificar o PROJOVEM trabalhador, formular o PROUNI RS pensando o PROUNI escolas técnicas no campo e na cidade, fiscalizar o cumprimento da lei dos estágios, implementar de fato o vale-cultura. É preciso atenção especial ao jovem do campo, com ampliação da oferta de educação do campo, assistência técnica e crédito rural com critérios que valorizem principalmente o jovem agricultor familiar. As tarefas são muitas, temos que tirar o atraso dos tempos de estagnação do governo Yeda", afirma.

Na visita a Assembleia Legislativa, os jovens visitaram vários parlamentares e entregaram manifesto com suas reivindicações. Os deputados Raul Carion (PCdoB), Catarina Paladini e Heitor Schuch, ambos do PSB, se comprometeram em levar as questões da juventude para o debate na casa, e se comprometeram em agendar uma audiência pública na casa para discutir políticas públicas de juventude. "Nós protocolamos essa semana projeto de lei que cria o Conselho Estadual da Juventude, é importante a CTB estar se organizando para pressionar", avalia Catarina. Schuch é sindicalista e fundador da CTB e saudou a juventude estar se organizando no Sindicato. "É mais do que necessário a renovação de quadros no movimento sindical", avalia.

Na sequencia o grupo visitou o plenário da Assembleia e se reuniu com Maurício Piccin, da coordenação da Juventude do Governo do Estado. Neste encontro, o coordenador saudou a organização da juventude da CTB. "Precisamos do protagonismo dos movimentos de juventude para consolidar a pauta no Estado. É nosso desafio construir o Conselho e uma grande Conferência Estadual", afirma. "O PROUNI RS está no horizonte do governo Tarso, e a juventude da CTB já está convidada para o Seminário de Juventude que realizaremos nos dias 20 e 21 de abril", informou. "O objetivo deste seminário é sistematizar um primeiro acúmulo do governo rumo a construção de uma política estadual de juventude", explicou.

Curso de formação e encontro estadual já tem data definida

Os jovens trabalhadores da CTB definiram data para curso de formação e encontro estadual. O curso ocorrerá nos dias 20 e 21 de maio, e deverá ter uma turma de aproximadamente 30 pessoas. O Encontro estadual da juventude da CTB ocorrerá nos dias 26, 27 e 28 de agosto, em local a ser definido, com objetivo de reunir 200 participantes. O Coletivo também participará também do 1º de maio unificado com identidade própria, além de ajudar a construir a Conferência Nacional de Juventude.

Participaram do encontro Vitor Espinoza e Raul Cerveira, comerciários, Igor Corrêa Pereira, servidor público, Tiago de Souza do Sindicato dos Sapateiros de Campo Bom, Liana dos Santos, agentes autônomos (Seaacom), Vinícius Homem, Sindilimp, Cristian Wagner, da Fetag, Cléber Soares, Luciano Carvalho e Leandro Weber, metalúrgicos de Caxias.

Texto de Igor Corrêa Pereira e Márcia Carvalho – Assessoria Fecosul

Porto Alegre

2 comentários:

Marcos Pushalski disse...

Grande juventude trabalhadora e de luta!

Eugenio Hansen, OFS disse...

Paz e bem!

Igor:

ficando famoso,
já na p. inicial da CTBN nacional:
http://ctb.org.br/site/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/853869df_atividade_juventude_ctb3.jpg